Twitter response:

Atendimento Veterinário

Mais

Acessórios e Alimentos

Mais

Centro de Estética

Mais
Filhote de Yorkshire Terrier em Fortaleza
Filhote de Yorkshire Terrier em Fortaleza

Filhotes de Yorkshire Terrier em Fortaleza. Os filhotinhos já vêm vacinados e vermifugados, de acordo com a idade e possuem Certificado de Procedência.

Os animais e os problemas dos fogos de artifício na virada do ano: Como contornar?
Os animais e os problemas dos fogos de artifício na virada do ano: Como contornar?

Animais ficam assustados diante do barulho dos fogos.

Natal e Ano Novo: sinônimos de alegria para as pessoas, mas também de tortura e sofrimento para muitos cães e gatos com medo dos fogos de artifício e rojões. Basta lembrar que eles têm uma capacidade auditiva quatro vezes maior que a nossa, para imaginar como deve ser o estouro de um rojão para eles.

O barulho é responsável por muitos acidentes com animais de estimação nessa época, principalmente os cães. O pânico nessas situações desorienta o animal, que pode fugir e ficar vagando pelas ruas, sem conseguir voltar para casa. O destino mais provável é a morte por atropelamento ou a captura pela carrocinha.

Além do risco de fuga, os donos devem atentar para outros perigos. Se estiverem presos por correntes, cães e gatos podem se enforcar na própria coleira na tentativa de rompê-las para fugir. Podem saltar cercas ou muros que normalmente não seriam transpostos, atirar-se de janelas e grandes alturas, bater a cabeça contra paredes e grades, e ficar presos em locais de difícil acesso. Há também os animais que sofrem com convulsões e paradas cardiorespiratórias, e até mesmo os que se tornam agressivos devido ao desespero provocado pelo barulho.

Esse sofrimento pode ser minimizado se os proprietários garantirem condições mínimas de segurança, conforto e bem-estar para seus animais, evitando ambientes muito agitados. É preciso ter cuidado para não recompensar involuntariamente o comportamento indesejado. “Na hora do medo, o dono não deve fazer carinho ou segurá-lo no colo, pois isso o fará entender que está agindo da maneira certa”, alerta o adestrador André Rosa.

Procure fazer com que a agitação das festas de final de ano não altere a rotina do cão ou gato. Dê as refeições nos horários regulares, e leve-o para passear nas horas de costume. Quem está agitado com as tarefas é você, não ele. Quando chegarem os convidados, certifique-se de que ele esteja em um local seguro e isolado do ambiente conturbado, com brinquedos, água fresca, e um local confortável para dormir. E lembre-se: não deixe ninguém oferecer alimentos gordurosos com os quais ele não está acostumado.

Sugestões aplicáveis ao seu animal no Réveillon:

1. Antes do início dos fogos, acomode os seus animais em ambiente protegido e seguro dentro de casa, ou numa área externa em que eles fiquem isolados dos perigos. Verifique se muros, cercas e portões encontram-se em bom estado e são suficientes para impedir a fuga do seu animal, mesmo que ele esteja apavorado.

2. Coloque uma coleira com plaqueta de identificação no pescoço do seu cão ou gato, importante para achá-lo no caso de fuga. A coleira do gato deve ser elástica, para que não haja risco de enforcamento ao se prender a um galho ou outro objeto. A plaqueta deve conter o número do seu telefone (residência e celular).

3. Em muitos municípios brasileiros, a identificação do animal pode ser feita nos CCZs (Centros de Controle de Zoonoses). Ao registrar o animal, ele ganhará uma plaqueta com o número de inscrição.

4. Nunca deixe seu animal preso em corrente, pois na hora do pânico ele pode se machucar ou se enforcar. Lembre-se também de que ele precisa ter liberdade e fazer exercícios diariamente.

5. Se tiver mais de um cão, evite deixá-los juntos por precaução. Na hora dos fogos, excitados pelo barulho, podem brigar e se ferir gravemente.

6. Ofereça alimentos leves ao seu animal antes dos fogos. Distúrbios digestivos provocados pela agitação e pelo pânico podem levá-lo à morte.

7. Consulte o seu veterinário de confiança para saber sobre algumas medidas que podem tranqüilizar seu bichinho nessas ocasiões, como tampões de ouvido e calmantes. Mas lembre-se: nunca dê medicamentos ao seu cão ou gato sem a indicação veterinária.

8. Se você mora em apartamento, verifique se as telas de proteção das janelas estão firmes e seguras;,evite deixar as janelas escancaradas, sobretudo se você tem gatos e se não estiver em casa à meia-noie do dia 31.

Fonte: Arca Brasil

Gato folgado passeia de ônibus de graça

Com 15 anos, ele já é conhecido dos motoristas e até ganha ração durante viagem

O bichano Dodger não gosta de ficar parado. Mas prefere passear sentado do que caminhar pelas ruas de Dorset, na Inglaterra. Esperto, ele encontrou uma saída interessante para circular sem se cansar: pegar o ônibus local.

O felino sempre pega o ônibus no mesmo ponto, em Bridport, e costuma viajar cerca de 16 km, pulando de colo em colo.

Alguns dos motoristas até alimentam o bichano com ração para felinos.

Dodger, que já tem 15 anos, é tão conhecido dos motoristas que todos já sabem onde ele costuma descer – e param o ônibus para o ilustre passageiro terminar seu passeio.

Dona do bichano, Fee Jeanes, de 44 anos, acredita que seu gato gosta de passear de ônibus por ficar em um ambiente quentinho e agradável.

Fonte: R7 Bichos

 

Poodle Micro Toy em Fortaleza

Venda de filhotes de Poodle Micro Toy em Fortaleza, Ceará. Trabalhamos com animais com procedência garantida, vacinados e vermifugados, e com Certificado de Procedência.

Curiosidades sobre Gatos
Curiosidades sobre Gatos

Os felinos que são amados por uns e odiados por outros tem muitas manias e hábitos estranhos. E nada melhor do que conhecer um pouco mais sobre os gatos para que haja um melhor entendimento sobre animais super independentes. Por isso logo abaixo haverá uma lista sobre algumas curiosidades e manias que os gatos domésticos apresentam.

Foram selecionadas sete curiosidades sobre os gatos sendo dividas por categoria do menos curioso (mas que não deixa de ser!) para o mais curioso hábito que eles possuem.

E em sétimo lugar: Pelo fato do gato ser um animal do deserto, ele bebe pouca água e é capaz de concentrar muita urina, necessitando de poucas quantidades para sobreviver.

Em sexto lugar: Os gatos têm um órgão olfativo no céu da boca. Por isso às vezes fareja e fica um tempo com a boca aberta e uma cara estranha. Eles podem saborear os aromas. Divertido não é mesmo?!

Em quinto lugar: Gatos transpiram pelas almofadinhas na sola das patas. Repare no consultório do veterinário: A mesa de inox fica com as marcas úmidas das pegadas do bichano.

Em quarto lugar:  Diferente dos cães, os gatos têm muito pouco ou nenhum cheiro, pois eles trocam o pêlo com muita frequência por isso que eles se lambem tanto. Melhor para os humanos que não precisamos se preocupar com o banho deles.

Em terceiro lugar: Os felinos são grandes dorminhocos. Os gatos chegam a dormir 18 horas por dia , divididas em vários períodos. Por isso se quiser colocar um nome para seu gato que tal soneca?!

Em segundo lugar temos: Os gatos tem cerca de 100 sons vocais, enquanto que os cães têm apenas 10. Para falar a verdade, nem se compara!

E agora o mais esperado de todos, em primeiríssimo lugar temos:

“Quanto mais alto for, menor a fratura!” Não entendeu? Há uma explicação: Normalmente é encontrado gatos em veterinários muito mais machucados quando caem, por exemplo, do segundo andar de um apartamento do que quando caem do sexto andar. É por que os gatos têm uma forma de aplainar a queda, eles fazem um giro e abrem todos os membros de locomoção, que são as patas traseiras e dianteiras fazendo com que eles caiam aproximadamente como uma folha de papel aberta.

Por isso se a altura for menor acaba não dando tempo de ele dar o giro e esticar seus membros, então o gato pode sofrer mais fraturas em locais com menor altura. Mas, isso não quer dizer que ele irá quebrar uma pata ao pular de uma janela a dois metros do chão.”

Os gatos possuem muitas outras características particulares. Quer dizer, os animais sempre apresentam manias interessantes que podem até ajudar a entender melhor seus diferentes comportamentos. As curiosidades do mundo animal são muito importantes para um melhor conhecimento e quem sabe até descobertas para o bem estar de todos.

Fonte: Mundo das Tribos

 

Filhotes de Poodle Micro Toy
Filhotes de Poodle Micro Toy

Filhotes de Poodle Micro Toy em Fortaleza. Vendemos filhotinhos bem pequenos, com procedência garantida, já vacinados e vermifugados, de acordo com a idade.